Novidades

A morte de Jesus gera a caducidade da morte.

Que sentido tem a morte? Que sentido tem a morte de Jesus?

A morte é a certeza de todo mortal, tanto quanto a vida. A qualidade, o significado e o sentido da vida só são possíveis saber, após tê-la vivido intensamente. Com Jesus foi assim. Por isso a morte caducou, e n’Ele ela não tem mais sentido. E por quê? Por que o seu amor a superou, a tornou caduca, sem sentido, porém, não sem função, ainda. E qual a sua função nesta vida terrena? Eternizar a vida, fazer a vida ser eterna. Eterna sob outro aspecto cujos sentidos humanos não conseguem captar em sua totalidade visto que é algo que diz respeito à própria natureza da fé. Da fé cristã.

Jesus morreu. Sua morte foi uma morte mártir, uma morte vítima, uma morte redentora, salvadora. Eis a profundidade e o significado de sua morte: a certeza da vida. Seu amor fez com que a morte se mostrasse como ela realmente é, depois d’Ele: caduca. E essa caducidade da morte cumpre uma função: fazer a vida remida e salva acontecer. Por isso, não celebramos a morte, mas a vida; porque só a vida tem sentido cuja realidade a morte encontra agora já seu lugar, e na vida derradeira, será das realidades celestes a última a ser desfeita, erradicada, para dar passagem feliz da eternização da própria vida.

1 Comment on A morte de Jesus gera a caducidade da morte.

  1. Narciso de Farias // 15/07/2014 em 22:55 //

    Sebastião, parabéns.
    Falar da morte de Jesus não parece perigoso? É inicio de uma nova conversa…
    Gostaria de receber seu endereço eletrônico (e-mail) pra continuar ou estabelecer um contato…
    Narciso

Comentários não permitidos